Como Fazer um Arranjo de Plantinhas

Por 0 , 0

inicial

Difícil quem não gosta de um verdinho embelezando seu lar, não é verdade?! As plantinhas emprestam aos ambientes a beleza das cores e dos formatos de suas flores e folhas. No entanto, nem todo mundo tem o “dedo verde” para mantê-las lindas e principalmente vivas dentro de casa. Eu, por exemplo, sou uma dessas pessoas que não levam o menor jeito para cuidar das plantinhas, hahaha. Quando eu ainda namorava com o Wellington, o melhor amigo dele, que hoje é biólogo, disse que se uma mulher não sabe cuidar das plantas, ela também não será uma boa esposa. Nem preciso dizer que meus olhos queriam saltar fora de tão arregalados que ficaram quando ouvi isso. Brincadeiras à parte, eu realmente não tenho esse tal “dedo verde”.

Para salvar algumas pessoas que não conseguem manter um verdinho dentro de casa, existem os cactos e as suculentas, que são perfeitas para embelezar a casa e não exigem muito cuidado. Hoje, vamos ensinar a você como fazer um arranjo de plantinhas que vai deixar seu lar doce lar uma lindeza maior do mundo!

Vamos ao passo a passo:

Você vai precisar de:

 passo2

  1. Coloque as pedrinhas no fundo do recipiente, a camada tem que ter em média de 1,5 cm de altura. Essa camada de pedrinhas é importante para drenar a água;
  2. Acrescente uma camada fina de 2 cm de terra adubada;
  3. Tire as plantinhas dos vasinhos de plástico (muito cuidado com os cactos, os espinhos doem, hahaha) e coloque sobre a camada de terra adubada. A disposição das plantas fica a seu critério;
  4. Depois disso, preencha os espaços vazios do recipiente com terra até esconder a raiz das plantas. Aperte um pouco a terra para as plantas ficarem firmes no vaso. E verifique se essa camada de terra ficou retinha, como o recipiente é de vidro, as camadas irão ficar visíveis, então é importante que fique alinhado;
  5. A última camada é novamente de pedrinhas, essa camada é para dar o acabamento ao arranjo. Coloque pedrinhas até cobrir a raiz da planta e preencher o espaço vazio do recipiente.

passo

passos

passox

ultima

 Como cuidar:

  • Já que vão ficar no mesmo vaso, é importante que as plantinhas tenham praticamente a mesma necessidade de água e luz. Nesse caso, todas são plantas que não exigem muitos cuidados.
  • Todas precisam de sol, mas isso não quer dizer que você deve deixar o dia inteiro torrando no sol forte. O sol em uma parte do dia já é o suficiente. Aqui em casa elas ficam na sala onde o sol reina da metade da tarde em diante.
  • Como são resistentes, podem ser regadas a cada 15 dias ou quando o solo estiver seco e não devem ser expostas a muita umidade.

Prontinho, agora você tem um arranjo lindinho para embelezar seu lar e que não vai exigir muito tempo de você, nem para fazer e nem para cuidar. Gostou?

Faça você mesmo brinquedos reciclados com ajuda de seu filho

Eu e meu irmão nunca fomos daquele tipo de criança que tem um quarto repleto de brinquedos, tínhamos poucos, meu irmão seus carrinhos e eu minhas bonecas. E me lembro como se fosse hoje, quando meu pai fez um carrinho com carretel de linha, elástico e vela, para nos mostrar o tipo de brinquedo que ele tinha quando era criança. Com certeza, minhas bonecas e os carrinhos do meu irmão eram brinquedos bem mais modernos do que aquele carrinho de carretel de linha, mas ficamos muito entusiasmados com aquele novo brinquedo, principalmente porque nosso pai estava participando conosco. O mesmo acontece com as crianças nos dias de hoje. Quem ainda não ouviu aquela frase: “meu filho tem tantos brinquedos e adora brincar com essa latinha”. Pois é, minha filha também muitas vezes preferiu brincar com os brinquedos reciclados que ela fazia no jardim do que aqueles modernos que ela tinha no seu quartinho. Pensando nisso, vou compartilhar com vocês muitas ideias de brinquedos que podem ser feitos de material reciclado e o mais importante: com a ajuda de seu filhote!

Tampinhas plásticas de garrafas: Quantas vezes jogamos essas tampinhas fora? Olha só que criativa essa ideia pra fazer uma centopéia.

centopeia

Caixas de papelão: as caixas de papelão sempre fizeram parte da minha infância, eu e meu irmão fazíamos casinhas e usávamos o papelão para fazer o chão. Olhando essas imagens abaixo, me pergunto: Por que não pensei nisso quando era criança?? Que vontade de voltar no tempo, hahaha.

aviao1

casinha

Grampos de roupas: principalmente de madeiras, são grandes protagonistas nos brinquedos abaixo. Grampos, cola quente, palitos de picolé, papel e mais algumas “coisitas” e pá pum, um brinquedo novo!

grampos

Rolinhos de papel higiênico, palitos de picolé, botões, etc: dá pra montar quase um zoológico com tantas opções de animais e flores que podemos fazer utilizando material reciclado. Também curti muito os bonecos bem humorados feitos com embalagens de shampoo e as casinhas feitas com galões de plástico! Uma fofufa…

rolinhos

taratruga

plastico

Escrevendo esse post, queria voltar no tempo pra poder fazer mais casinhas de papelão, na minha época de infância não tínhamos tantas opções. Agora o jeito é fazer com minha filhota que também vai adorar a ideia, e tem que ser logo, ela já está bem grandinha e daqui a pouco não vai mais querer brincar de casinha, hahaha. Bom, nesse espaço foi mostrado somente as ideias de como fazer brinquedos reciclado com ajuda de seu filho, não encontrei o passo a passo, mas são bem fáceis de fazer. Aproveite para curtir esse momento “mão na massa” com seu filho, eles explodem de felicidade quando têm seus pais participando da brincadeira deles. Gostou?

Dê cara nova às suas gavetas com colagem de figuras

Por 0 , , 1

Quando estava montando meu cantinho para morar com minha filhota, achei um rack exatamente do meu gosto, na época. Foi realmente um achado, baratérrimo, uma vez que era peça de mostruário. Era bem básicão, MDF imitando madeira e com duas gavetas brancas com puxadores sem graça, hahaha.

Depois me casei, e chegou a hora de montar um novo lar. Eu já estava irritada com aquelas gavetas brancas do rack e precisava urgente dar cara nova ao móvel. Minha cabeça fervilhava com zilhões de ideias, mas não tinha certeza de nenhuma delas. Até que um dia, sentada no sofá, veio aquelas ideias que somente no ócio criativo surgem: vou fazer colagem de figuras nas gavetas!

Nem consegui esperar chegar outro dia para buscar as figuras, já corri para a internet. E como estou curtindo por enquanto, uma decoração retrô, nada melhor do que colar figuras desse gênero. Foi bastante fácil, querem saber como?

Materiais:

  • Cola branca
  • água
  • papel vinílico adesivo preto (contact) da mesma medida das gavetas
  • figuras de sua preferência de diversos tamanhos (imprimi na impressora normal, em papel branco A4)
  • pincel médio

Agora vamos ao passo a passo:

  • Limpe bem o local onde será aplicado e cole o Contact na gaveta. Retire aproximadamente 2,5 cm do papel contact de sua base para começar a aplicar. Usando um pano seco e limpo, pressione o papel firmemente contra a superfície. Lentamente, aplique o restante do papel, centímetro por centímetro, pressionando a parte adesiva contra a superfície da gaveta.
  • Misture três partes de cola branca e uma de água e com o pincel, passe em uma parte da gaveta, cuide para não deixar a cola secar, rapidamente cole as figuras. Repita com a outra parte da gaveta. Se você preferir pode impermeabilizar a colagem de figuras com a mesma mistura de cola que foi utilizado para colar as mesmas. É importante já deixar pronta a disposição das figuras. Pronto! agora é só esperar secar.

rack

Olha que legal que ficaram as gavetas! Essa é uma forma bastante fácil de repaginar seu móvel. Caso depois de um certo tempo você se cansar das figuras é só retirar o contact que a superfície já estará pronta para receber outra cara nova! O rádio? Esse aí do cantinho da foto? Ah esse rádio é dono de uma parte considerável do meu coração e merece um post só falando sobre ele, hahaha!